25 de jul de 2017

Qual é o perfil do profissional de E-commerce?


Bom dia galerinha do e-commerce, tudo bem?!

Nessa crise que estamos vivendo ultimamente, desempregos em níveis altíssimos, me surgiu algumas duvidas sobre o perfil do profissional de E-commerce, então fui atras de algumas informações e encontrei  os videos abaixo que na minha opinião auxilia entender e exemplificar este ponto.





Resumo:
  • Como qualquer outro profissional, o de e-commerce tem que estar atualizado, sempre lendo e estudando sobre o mercado e novas ferramentas;
  • Não deve ter formulas prontas para resolver os problemas;
  • Saber trabalhar em equipe;
  • Não é somente copilar dados e montar relatórios, tem que saber analisar e achar saídas rentáveis;
  • O profissional eh muito mais o que ele entrega do que esta escrito no papel que ele entrega.
Fonte: Escola de Marketing Digital


Você pode se interessar também por:

Comércio eletrônico não encontra profissionais qualificados

3 de jul de 2017

Modelo AIDA


Bom dia galerinha do E-commerce, tudo bem?!

Você conhece o AIDA?!

AIDA é uma ferramenta de comunicação que ajuda a conduzi-lo, como um guia pelo funil de vendas. O conceito é bastante importante para quem trabalha com marketing digital, já que o design da página deve levar em conta cada um dos passos.

ATENÇÃO – É necessário chamar atenção do possível Lead, isso é feito em forma de anúncios nas redes sociais, ou botões atrativos no seu site, títulos criativos, fotos e ilustrações. Mas tome cuidado com o uso de cores, tamanho e posição dos elementos da página. Deixe as cores fortes e contrastantes e a posição de destaque somente para aquilo que realmente for importante que o usuário perceba. Ter um site rápido também faz diferença.

INTERESSE – Agora seu prospect te deu atenção e clicou no seu anúncio, aí começa um novo desafio, como manter a atenção desse individuo? Criando um material de apoio à dificuldade da empresa dele, junto a isso um mostrando como o seu produto pode facilitar a vida. Informações em destaque, como títulos e subtítulos ou os textos de banners, devem mostrar para o visitante que sua empresa tem algo que ele procura, que vale a pena.

DESEJO – Como o processo de compras é um processo evolutivo, acompanhe o interesse do Lead, aumentando sempre a qualidade dos materiais disponibilizados a ele, despertando nele o desejo de adquirir o seu produto para que o dele seja mais vendido. Aqui as informações são analisadas em mais detalhes e o visitante observa se a oferta e sua empresa de fato são capazes de atender às necessidades dele, se é uma opção válida e confiável.

AÇÃO – ganhar a confiança do cliente e fazer com que ele realmente finalize a compra. Existem vários “incentivos” que você pode dar ao usuário para fazê-lo acreditar que é possível realizar aquele desejo de ter o item dos sonhos. Formas de pagamento oferecidas, plataforma do site e fatores externos, relacionados à economia e até mesmo à concorrência.

O objetivo de toda e qualquer empresa é chegar na última etapa, a ação. Intenção de compra é bom, mas não paga as contas da empresa.

Além dos quatro estágios Atenção, Interesse, Desejo e Ação , também é fundamental pensar na satisfação, com uma logística e atendimento cativantes no pós-venda, para fidelizar esse cliente. #vamosjuntos.


27 de jun de 2017

E-commerce de Farmácias - você conhece?!

Bom dia galerinha, tudo bem?! 

Recentemente estive pesquisando sobre o mercado de farmácias e tive uma ótima surpresa, o ramo farmacêutico é um setor que esta passando bem longe da crise atual do país, vou compartilhar segue alguns dados que levantei:
  • O Brasil ocupa atualmente a sexta posição entre os maiores mercados consumidores de medicamentos no cenário mundial;
  • Mesmo com a economia abalada, a expectativa é de que, até 2018, o País alcance a quarta posição, atrás apenas de Estados Unidos, China e Japão;
  • Em 2016 as vendas de medicamentos nas farmácias tiveram crescimento nominal de 12,4% no acumulado do ano.
  • Estimativas apontam que este mercado deve atingir R$ 87 bilhões em 2017;
  • Atualmente, o Brasil possui em torno de 70,4 mil farmácias, das quais 14% são ocupadas pelas grandes redes - conglomerados de lojas com expansão agressiva e alto poder de investimento;
Ai você me pergunta, o que isto tem a ver com o E-commerce?! 

E eu respondo, tudo a ver, no meu último post Entenda seu nicho de Mercado comento que devemos estudar novos mercados de nichos antes de entrar. O E-commerce farmacêutico vem aumentando se expandindo nos últimos anos, mas ainda há espaço, basta estudar e entender os diferenciais, focar nos detalhes.

Comprar pela internet traz comodidade para o consumidor que pode pesquisar cada medicamento, facilidade para verificar indicações e contraindicações, rapidez e clareza para ler a bula, facilidade em comparar remédios similares e consultar frete e tempo de entrega.

Nas minhas pesquisas, pude perceber que as farmácias online vendem muito produtos de cosméticos, saúde e beleza, mas a maioria esmagadora não vendem online Antibióticos. 

Então fui atrás para entender o motivo, pois bem, existe uma regulamentação da Anvisa RDC nº 44  de 2009, onde estabelece que a venda de antibióticos somente é permitida com prescrição médica e retenção da receita.
Este ponto dificulta muito a vida dos sites, mas encontrei duas farmácias na região de São Paulo que vendem antibióticos pela internet: a Onofre e a Netfarma.




Ambos são Jet E-commerce - o cliente envia a imagem da receita no ato da compra e quando o entregador entrega o produto ele retira a receita original.
A Netfarma já traz a opção de enviar a receita no detalhe do produto, já na Onofre a opção aparece somente no check out.

Continuando nas minhas pesquisas fui atrás dos Dez termos relacionados a saúde mais buscados no Google Trends em 2016 foram: bol, exame, tratamento, farmácia, cirurgia, cid, óculos, dieta, dengue, anticoncepcional.

Sendo assim, um grande mercado para ser aprofundado pelos e-commerces para quem sabe aprimorar as farmácias online e a venda dos Antibióticos.

Fica a ideia para quem sabe gerar frutos nas cabeças de vocês. #vamosjuntos.

Você pode se interessar também por:

RAIA DROGASIL É A MAIOR FARMÁCIA DO PAÍS EM TODOS OS REQUISITOS


20 de jun de 2017

Entenda seu nicho de mercado


Bom dia galerinha, tudo bem?! Estamos passando por uma grande crise, várias pessoas desempregadas e desesperadas procurando uma saída para ganhar dinheiro. Para algumas dessas pessoas o e-commerce surge como a solução de seus problemas, ai eu te pergunto, você pesquisou o mercado no qual pretende entrar?!
Aqui no blog você irá encontrar vários posts com Dicas de como montar um e-commerce vale uma leitura para entender mais sobre e-commerce em geral.
Bem você já leu bastante sobre o assunto E-commerce aqui e em outros blogs, decidiu que irá mesmo embarcar na viagem, agora você precisa estudar o mercado que você quer atender.
Analise o mercado e veja o que ele oferece e o que não oferece, analise e planeje onde você pode se destacar. Navegue muito na internet e ouça opiniões e queixas dos clientes do setor isso lhe ajudará a ter ideias.
Abrir um e-commerce ligado a um hobby pessoal ou a algo que já tenha feito no passado pode ser uma boa dica. Comece estudando este mercado, tenho certeza que você ira se surpreender.
Lembre-se, você não está vendendo “apenas” um produto, você esta vendendo a solução para o problema do seu cliente. Trabalhe seu produto como uma ideia, e não como um simples “pedaço” de pano ou de ferro.
Outro ponto importante, não "copie"os grandes players, eles possuem estruturas milionárias, isto pode lhe frustar. A melhor saída é inspirar-se neles e não comprar. Foque seus esforços em crescer aos poucos de maneira sustentável, especialize-se no seu nicho de mercado, desta forma com certeza você se tornará o melhor no que faz. Desta forma sua empresa, reputação e credibilidade irão destacar-se. #vamosjuntos vencer esta crise.

13 de jun de 2017

Dia das Mães 2017 crescimento de 16%.

Bom dia galerinha do E-commerce, como foi o Dia das Mães do seu e-commerce?! 

Atingiu as expectativas?

Outra pergunta importante, você se preparou (campanhas, produtos, frete) para esta data?

O Dia das Mães é a terceira maior data para o comércio em geral e o e-commerce não ficaria fora desta estatística. 

Nos últimos anos o e-commerce "acordou" para esta data e vem se preparando com antecedência para atender aos filhos em geral e a data vem se apresentando como a primeira grande ação do ano. 

Segundo o E-bit o crescimento foi de 16% em comparação com 2016, superando as expectativas que era de 7% de crescimento. O ticket médio também cresceu 3,7% passando de R$402 para R$417 reais.

Fonte: NovaVarejo
O monitoramento da Ebit baseia-se nas compras realizadas no varejo eletrônico entre 29 de abril e 13 de maio. 

Agora que a data já passou, é hora de analisar os prós e contras e tirar lições que podem ser aplicadas em outros momentos de grande potencial de vendas. #VamosJuntos, pois o ano ainda esta na metade e com planejamento e muito trabalho ainda podemos bater nossas metas.

Talvez você tenha interesse em:

Planejamento Promocional para 2017. Você está pronto?

6 de jun de 2017

Dia dos Namorados - Como aumentar as vendas.

Bom dia galerinha do e-commerce, como estão as vendas no seu e-commerce?!

O Dia dos Namorados esta batendo a sua porta e como esta a sua campanha?! Essa data é a terceira data de vendas para o e-commerce/varejo, por este motivo resolvi dar algumas dicas para ajudar no aumento das suas vendas.

  1. Planeje - venho sempre dizendo que o planejamento é de extrema importância para o e-commerce, pois as datas comemorativas existem e já são conhecidas por todos, então as pessoas se programam para efetuar a compra, sendo assim um ótimo cenário para o e-commerce. Inclua no seu planejamento: a campanha, as condições de pagamentos diferenciadas, políticas de trocas diferenciadas e principalmente o estoque de produtos focados na data.
  2. Estude o seu produto e publico - pare um pouco e veja qual dos seus produtos tem a ver com a data, veja quais combos você pode fazer para aumentar seu ticket médio, invista em brindes e promoções, avalie os principais gostos e expectativas do cliente nesse momento e invista em fideliza-los;
  3. Invista no atendimento - Sabemos que nos brasileiros deixamos tudo para a ultima hora, sendo assim um atendimento em tempo real auxilia o consumidor na escolha e na solução das duvidas que possam surgir. Pense no atendimento via desktop mas também pelo mobile e apps
Não se esqueçam, no Dia dos Namorados, o consumidor esta disposto a comprar para agradar seu par, então invista no seu diferencial e venda muito. #vamosjuntos
Talvez você tenha interesse em:

22 de mai de 2017

Dia dos Namorados - Como está seu planejamento promocional de 2017?

Bom dia, já estamos no final de Maio e como anda seu planejamento de 2017?

Ainda no papel?! Espero que não.

Já passou Carnaval, Dia das Mães e o Dia dos Namorados esta batendo na sua porta, você já planejou suas ações? Não, então corra. Esta é uma ótima oportunidade de vendas para o E-commerce.

Dia dos Namorados é uma data muito importante para o e-commerce, pois é mais uma oportunidade de vendas. Lembrando que o e-commerce possui algumas vantagens perantes os varejistas tradicionais, dentre elas a agilidade e facilidade de compra dos produtos, basta um click para encontrar, a troca é um outro diferencial.

O Dia dos Namorados este ano cairá em uma segunda-feira, o que normalmente acontecerá é que os casais irão comemorar muito provavelmente no sábado dia 10, o que nos da 20 dias corridos até o evento, levando em conta que muitas pessoas param de comprar na internet com 5 dias de antecedência com medo do produto não ser entregue a tempo, estamos extremamente atrasados nas ações.

Por isso fique atento as novas regras para o e-commerce e encante mais uma vez seus clientes. #VamosJuntos

15 de mai de 2017

Dicas pra ser bem avaliada


Bom dia galerinha, tudo bem?!


Se você tem ou trabalha em um e-commerce, já deve ter ouvido falar do Reclame Aqui


Aqui no blog mesmo já falamos deste site em duas outras postagens, no final disponibilizarei os links para leitura.


Existe dois motivos para que os consumidores acessem o site. 


Reclamar sobre um problema que teve com um produto ou empresa;


conhecer as avaliações de outras pessoas sobre o produto, empresa ou prestador de serviço;


O Reclame Aqui possui rankings de reclamações e elogios de empresas e consegue ajudar a resolver 78% dos problemas relatados pelos clientes.
(fonte: Reclame Aqui)


Então, temos que manter no radar este site e colocar no planejamento de marketing e comunicação com estratégias focadas neste canal. 

Segue algumas dicas que podem lhe auxiliar:
  • Contate o seu cliente o quanto antes;
  • Não desqualifique a reclamação do seu cliente;
  • Mantenha um canal para que os clientes entrem em contato;
  • Analise o que o seu cliente procura;
  • Dê a palavra final para um cliente insistente;
Não existe uma regra sobre quanto tempo você deve demorar para resolver o problema do cliente após uma reclamação. Mas minha indicação é que o primeiro contato com o cliente seja o mais breve possível, caso a reclamação seja feita em dias úteis, o 1º contato tem que acontecer em horas, no máximo  2 horas. A solução do problema em si pode ate demorar mais tempo, mas o cliente tem que saber que sua empresa esta ciente do problema e que esta "correndo"atras da solução.

Se o cliente está reclamando, é porque ele teve algum problema. Pode ser que ele não tenha razão 100%, porém, antes de mais nada, ele precisa ser ouvido. Costumo dizer que o cliente que reclama de algum problema deve ser tratado como um rei, pois ele ainda quer "resolver" aqueles que não reclamam já desistiram da sua empresa.

A obrigação da empresa é ouvir ou ler a reclamação. Se ele não tiver razão, ainda assim deve ser respeitado. 

O Reclame Aqui afirma que “Consumidor não aceita respostas padrões ou genéricas. Eles querem personalização e informação clara sobre o seu caso”.

Crie um SAC que funcione. Seu SAC deve estar preparado para ouvir qualquer tipo de reclamação e principalmente estar preparado para solucionar o problema. Se seu SAC estiver bem preparado, a probabilidade do cliente ir ate o Reclame Aqui diminui bastante.

Porque não estar a frente dos problemas? Procure descobrir o que os clientes querem da empresa, além do serviço que você já oferece. Conhecendo os problemas você consegue diminuir as reclamações e antecipar as soluções fazendo das reclamações uma oportunidade de expandir.

Lembre -se também que muitos consumidores procuram o ReclameAqui para  pesquisar a reputação das empresas. 

E quando o problema do cliente já foi resolvido, mas ele não esta satisfeito com a solução? Ou quando ele não tem 100% da razão em sua reclamação, mas acredita estar certo e continua insistindo com outras reclamações. O que fazer nesses casos? 

Para a gerente de relacionamento do Reclame Aqui, o movimento mais certeiro é tirar o cliente da mídia social e tentar conversar com ele fora do canal, de forma conciliatória. “A empresa deve ter pessoas preparadas e com boa argumentação para lidar com os clientes difíceis. Mas, se já foi feito tudo o que é possível e mesmo assim o cliente continua, o ideal é ligar, explicar a posição final da empresa e não mais persistir em troca de mensagens depois que a palavra final for dada”, recomenda.

Bom, espero que com estas dicas você tenha muito sucesso na sua carreira. Duvidas e sugestões fique a vontade para deixar seu comentário. #VamosJuntos.

Você também pode se interessar por:

1 de mai de 2017

Reclame Aqui

Bom dia Galerinha do Online, tudo bem?!

No dia 24 de Abril eu fiz um post sobre Reclamações , então hoje venho falar um pouco mais do site mais famoso de reclamações, o Reclame Aqui.


O Reclame Aqui foi criado em 2001 pelo Mauricio Vargas em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Hoje a empresa esta sediada em São Paulo capital.


Segundo o próprio site: "Diariamente, mais de 600 mil pessoas pesquisam as reputações das empresas antes de realizar uma compra, contratar um serviço ou resolver um problema".


Alguns números importantes sobre o site:
  • 42 milhões de pageviews/mês;
  • 3''11' tempo de visita no site;
  • 56% público Masculino;
  • 44% público Feminino;
  • 120.000 empresas cadastradas 

Com mais de 15.000.000 consumidores cadastrados o site deve receber uma atenção importante da sua empresa, principalmente se você é o responsável pelo e-commerce, pois nele o consumidor pode avaliar uma reclamação! 

Essa avaliação entra numa equação com o índice de resposta, solução e se o consumidor voltaria a fazer negócio com a empresa, resultando na reputação os rostinhos que você vê no nosso site!

Quais são as classificações das empresas?


Selo RA 1000









Ótimo






Bom






Regular





Ruim





Não recomendado






Sem índice





Empresa em análise




Entenda como funcionam os critérios para avaliação das empresas:



É importante lembrar que o cadastro das empresas no site parte na maioria das vezes pelo próprio consumidor. 

Quando ele se sente prejudicado ele pode solicitar o cadastro de uma empresa para publicar uma reclamação, exercendo assim direitos que são garantidos pela legislação nacional. 

Então companheiro, não adianta tentar fugir, pois caso algum cliente seu tenha uma reclamação ele poderá fazer mesmo sem seu cadastro.

Com todos estes números assustadores preciso manter este site no meu radar diário e ter ações especificas para este canal. #VamosJuntos!

Fonte: Reclame Aqui